TRÓIA RECEBE FESTIVAL TROJAN HORSE WAS A UNICORN

Publicado em 2 Setembro, 2014 Por...Mafalda Matos » Slider

trooia

De 17 a 20 de Setembro, Tróia volta a receber o Festival TROJAN HORSE WAS A UNICORN (THU), um evento que reúne em Portugal alguns dos mais reconhecidos nomes da indústria de efeitos visuais, jogos e animação do Mundo, com o patrocínio do TROIA RESORT.

Depois do sucesso da edição de 2013, o Centro de Congressos do Tróia Design Hotel volta a receber dezenas de oradores que se vão juntar para partilhar as suas competências e experiências com participantes de mais de 35 países que sonham um dia trabalhar com os melhores.

Durante o evento, os participantes do THU têm acesso a workshops sobre as mais recentes técnicas usadas pelos profissionais da área. Para além disso, podem desafiar os seus “heróis” para batalhas artísticas, um jogo de futebol na praia e muitas outras actividades pouco comuns em eventos deste género.

Aproveitando as fantásticas condições de Tróia, a edição de 2014 pretende levar o conceito de evento para um nível completamente diferente e tornar-se num “bootcamp in paradise”. Para além de workshops com alguns dos grandes artistas desta área, os participantes vão poder participar nas sessões de mentoria, em palestras com vencedores dos Óscares da Academia de Hollywood, sessões de recrutamento exclusivas e muito mais.

“Portugal, e especificamente Tróia, oferecem condições excepcionais para um evento como o THU: um excelente design, tecnologia de topo, praias fantásticas e um ambiente mágico que o tornam num evento especial e inesquecível”, refere André Luís, da organização.

Para João Madeira, Director Geral do TROIA RESORT, “acreditamos que realização do THU em Tróia e a nossa associação a este grande evento contribuirá para reforçar a projecção do destino a nível internacional e atrair novos públicos e segmentos.”

Apoiado por Scott Ross, o fundador da Digital Domain, um dos mais prestigiados estúdios de produções digitais do mundo, o TROJAN HORSE WAS A UNICORN é um projecto sem fins lucrativos cujas receitas revertem para o desenvolvimento da indústria do entretenimento digital em Portugal e para atribuição de bolsas a estudantes e profissionais da área.

Comentários fechados