Rock in Rio e NOS Alive são os festivais mais mediáticos de 2016

Publicado em 29 Setembro, 2016 Por...Maria Cordeiro » Artes, Curtas, Slider
festivais-de-verao-compressed
Chegou ao os Festivais de Verão a Cision revela qual o festival com maior impacto mediático entre setembro de 2015 e agosto de 2016 é o Rock in Rio é o grande vencedor. As 7.189 referências dos media nacionais feitas à marca RiR Lisboa, que ocorre oficialmente de 2 em 2 anos, em muito contribuíram para este resultado.
Na segunda posição da tabela segue-se de perto o NOS Alive, vencedor da Maratona 2015, e a fechar o pódio surge o festival Vodafone Paredes de Coura, que subiu uma posição relativamente a 2015. NOS Primavera Sound, MEO Sudoeste, MEO Marés Vivas e Super Bock Super Rock obtiveram desempenhos mediáticos próximos e ocupam os lugares seguintes do ranking. Relativamente a 2015, o NOS Primavera Sound subiu duas posições, o MEO Sudoeste desceu duas, MEO Marés Vivas caiu uma posição e o Super Bock Super Rock desceu cinco posições, sendo a maior descida da tabela. O festival Sol da Caparica mantém a oitava posição, o EDP Cool Jazz desce de sétimo para nono classificado e, a finalizar o top 10, encontra-se o Sumol Summer Fest.
Festivais de Verão com impacto mediático superior a 120 milhões de euros
No período analisado, os 10 festivais de verão surgiram em mais de 29 mil notícias e reportagens nos meios de comunicação social nacionais, avaliadas em mais de 124 milhões de euros.
O aumento exponencial do potencial mediático do top 10 de festivais de verão, em 2016, deve-se fundamentalmente ao facto de este ser ano em que o Rock in Rio Lisboa sobe ao palco e pelo maior número de transmissões televisivas de concertos, nestes eventos.
Ainda, segundo dados da APORFEST, em 2016, Portugal regista o record de 243 festivais, com um total de mais de dois milhões de espetadores, onde surgem 61 novos festivais e que soma 22 festivais com naming sponsor.
Esta valorização vem sublinhar a capacidade dos festivais, em Portugal, gerarem potencial mediático para as diferentes marcas envolvidas.
FONTE:  Cision

 

Comentários fechados